Na contemporaneidade, percebe-se uma economia de calorias no homem moderno, mediante todo o aparato tecnológico existente. Nesse aspecto, afirma-se que os índices de sedentarismo se elevaram. Dessa forma, sabe-se que a inatividade física está associada a 35 condições de saúde, que envolvem distintos sistemas corporais. A inatividade física impacta negativamente a saúde das pessoas, elevando o risco de doenças crônicas não-transmissíveis, como a obesidade. Em consequência disso, a obesidade também está relacionada com a redução do gasto energético e com a elevação do consumo de alimentos fast-foods.


Baseado no contexto narrado e nos estudos da disciplina, assinale a alternativa correta:
Alternativas
Alternativa 1:
A inatividade física está associada às doenças crônicas transmissíveis (DCNTs), como por exemplo: hipertensão arterial sistêmica, aterosclerose, infarto agudo do miocárdio, sarcopenia, diabetes, osteoporose etc.

Alternativa 2:
Atualmente, houve uma queda de aproximadamente 800 kcal/dia para o gasto energético das pessoas. Estimativas apontam que em 2030 o declínio do gasto energético será de aproximadamente 1150 Kcal/dia. Logo, a atividade física apresenta papel indispensável no dia a dia das pessoas, uma vez que os recursos tecnológicos e as mudanças no padrão alimentar influenciam diretamente no gasto e consumo de calorias.

Alternativa 3:
O gasto energético diário em atividades executadas com auxílio tecnológico economiza calorias no dia a dia. No entanto, a economia de calorias decorrente do uso tecnológico é diminuta quando comparada aos alimentos fast-foods. Portanto, não se pode atribuir que o ganho de peso corporal esteja associado ao avanço tecnológico. Certamente, o culpado pelo ganho de peso corporal são os alimentos fast-foods.

Alternativa 4:
A atividade física é coadjuvante no processo de redução do movimento corporal causado pelo incremento tecnológico. Assim, pode-se afirmar que a atividade física não é completamente efetiva para a aquisição de saúde e a qualidade de vida. Portanto, o culpado pelo ganho de peso corporal são os alimentos fast-foods.

Alternativa 5:
Baixos níveis de atividade física não estão associados a um maior risco de doenças crônicas e morte prematura. Certamente, o culpado pelo ganho de peso corporal são os alimentos fast-foods. O desenvolvimento tecnólogico oferece pouca influência nesse processo de ganho de peso.

por

1 Resposta

0 votos positivos 0 votos negativos

Resposta já Corrigida  Disciplina 

ATIVIDADE 01 - BEDU - ATIVIDADE FÍSICA E QUALIDADE DE VIDA

Alternativa 2: Atualmente, houve uma queda de aproximadamente 800 kcal/dia para o gasto energético das pessoas. Estimativas apontam que em 2030 o declínio do gasto energético será de aproximadamente 1150 Kcal/dia. Logo, a atividade física apresenta papel indispensável no dia a dia das pessoas, uma vez que os recursos tecnológicos e as mudanças no padrão alimentar influenciam diretamente no gasto e consumo de calorias.

por
Seja Bem vindo a Tirando Dúvidas, Perguntas e respostas, onde você pode fazer perguntas e receber respostas de outros membros da comunidade.