O Brasil editou a Lei de Recuperação Judicial (Lei nº 11.101/2005). Antes disso, havia, no país a concordata, que não permitia que os credores e devedores negociassem livremente os termos de um acordo para pagamento de dívidas – o que, na prática, raramente evitava que empresas fossem à falência.

por

Sua resposta

Seu nome (opcional):
Privacidade: Seu email será usado apenas para enviar estas notificações.
Seja Bem vindo a Tirando Dúvidas, Perguntas e respostas, onde você pode fazer perguntas e receber respostas de outros membros da comunidade.